O JOGO

Unimed vence jogo que começou com 1h33 de atraso

Jogadoras e comissões esperam chegada da arbitragem

Jogadoras e comissões esperam chegada da arbitragem

Na abertura do playoff das quartas de final do Campeonato Paulista de Basquete Feminino Sub-19, a ADCF Unimed venceu Osasco por 71 a 65, na noite de quarta-feira (29), no Ginásio Mário Antonucci, no complexo poliesportivo do Centro Cívico, em Americana. O resultado coloca a equipe do técnico Virgil Lopez em vantagem na série melhor de 3.

As duas equipes voltam a se enfrentar nesta sexta-feira (31), no Centro de Desenvolvimento Esportivo da ADC Bradesco, em Osasco. O jogo está marcado para as 18 horas e a ADCF Unimed garante vaga nas semifinais em caso de vitória. Se o time da casa empatar a série, haverá a terceira partida no domingo (2), às 11 horas, novamente em Osasco.

O jogo de quarta-feira, em Americana, marcado para as 18h30, sofreu atraso de 1h33 e começou às 20h03, pois a Federação Paulista de Basquete (FPB) não enviou equipe de arbitragem e mesários.

Alertada da situação pela coordenadora da ADCF Unimed, Adriana Santos, a entidade entrou em contato às pressas com árbitros de cidades próximas a Americana para que se deslocassem até o ginásio. Jogadoras e comissões técnicas das duas equipes tiveram de aguardar durante 93 minutos para iniciar a partida.

Em quadra, a disputa foi equilibrada e a ADCF Unimed chegou à vitória por 71 a 65. Com 21 pontos, a lateral Izabella Sangalli foi a principal cestinha da equipe de Virgil Lopez. Também pontuaram: Wytalla (14), Gabi Santos (11), Elissa Saiz (9), Mariane (9), Maria Paula (5) e Gabrielle Soares (2).

Unimed venceu em jogo bastante equilibrado no CC

Unimed ganha jogo bastante equilibrado no CC