O JOGO

Sem dinheiro, Secretaria suspende projeto Criança Total

Por Zaramelo Jr.

O Jogo | 2015, 26 de fevereiro

Edison Fassina disse que projeto pode ser retomado em 2016

Edison Fassina disse que projeto pode ser retomado em 2016

Depois de romper vínculo financeiro com todas as equipes de alto rendimento, que têm de buscar recursos na iniciativa privada para participar de competições, a Secretaria de Esportes de Americana agora suspendeu o projeto Criança Total, destinado a crianças e adolescentes entre 7 e 14 anos. O motivo, segundo o secretário adjunto de Esportes, Edison Antiqueira Fassina, é a falta de dinheiro da prefeitura.

“O projeto não terminou, foi suspenso temporariamente em razão das dificuldades financeiras enfrentadas pela prefeitura. Pretendemos, talvez no ano que vem, retomá-lo”, afirmou Fassina. O dirigente garantiu, porém, que as crianças e adolescentes que estavam envolvidos no programa terão a opção de praticar esportes nas escolinhas públicas.

De acordo com Fassina, os alunos do Criança Total serão absorvidos pelas escolinhas, que terão aulas ministradas pelos professores de carreira nas praças de esportes, a partir da próxima segunda-feira (2). Os locais e horários serão divulgados nesta sexta-feira (27).

As escolinhas disponíveis a partir da próxima semana são as de atletismo, basquete, bicicross, ciclismo, goleiros, ginástica artística, handebol, judô, natação, tênis de mesa, vôlei e xadrez. O chefe de Gabinete da Secretaria de Esportes, Ariel Ferreira, frisou que novas modalidades podem ser inseridas.

Criado na gestão do ex-prefeito Diego De Nadai, o Criança Total, segundo os dirigentes da época, chegou a atender até 8 mil crianças e adolescentes. Esse número caiu para 4,5 mil no ano passado, de acordo com informações de pessoas ligadas ao projeto.

O secretário adjunto Edison Fassina disse ter dúvidas em relação aos números apresentados anteriormente, pois, segundo ele, não há registros neste sentido na Secretaria de Esportes. Sobre o número de participantes nas escolinhas, a partir de agora, ele não quis fazer nenhuma projeção.

REFORMAS

Edison Fassina informou ao O Jogo que a Secretaria de Esportes tem conseguido apoio da iniciativa privada para a execução de reformas nas praças de Americana. “Estamos próximos de atingir o valor planejado para que possamos começar as obras de melhorias nas praças de esportes da cidade. Muito em breve esse trabalho será iniciado”, afirmou o dirigente.