O JOGO

Rio Branco busca 6 pontos para ir ao mata-mata

Estádio Dédcio Vitta: fator casa pode ser determinante para classificação

Estádio Décio Vitta: fator casa pode ser determinante para classificação

Quarto colocado da Série A3 do Campeonato Paulista com 25 pontos, o Rio Branco tem boas possibilidades de avançar ao mata-mata. Para isso, precisa fazer o dever de casa e conquistar, ao menos, 6 dos 9 pontos que disputará no Estádio Décio Vitta. Pelas contas da diretoria e comissão técnica, o time fica com uma das oito vagas caso chegue aos 31 pontos.

“O campeonato está muito igual, mas ainda acredito que com 31 pontos conseguimos a classificação. Nos anos anteriores, essa pontuação foi suficiente”, disse o diretor Luiz Eduardo Vota Salau, o Dado.

Das quatro rodadas que restam para o fechamento da 1ª fase, em três delas o Rio Branco jogará em Americana: contra o Taboão da Serra, amanhã (1); contra o Desportivo Brasil, quarta-feira (5); e contra o Grêmio Osasco, dia 16. A única partida fora será contra o Olímpia, dia 9.

O fator de risco para o Rio Branco é que os quatro adversários também brigam pela classificação à próxima fase. Deles, quem tem a situação mais confortável é o Olímpia, líder com 30 pontos. Os demais, a exemplo do time de Americana, também precisam pontuar para seguir em frente.

Para o jogo deste sábado contra o Taboão da Serra, às 16 horas, a única novidade do Rio Branco deve ser o retorno do meia Thiago Silva, recupera de entorse no tornozelo. A tendência é que ele entre no lugar de Jhonatan Bispo.

Texto: Zaramelo Jr. | Foto: Wado Pellizoni