O JOGO

“Por amor”, hand de Americana vai disputar a Liga

Por Zaramelo Jr.

O Jogo | 2015, 5 de abril

COMANDANTE Didi Batista é o técnico das meninas do handebol

COMANDANTE Didi Batista é o técnico das meninas do handebol

Uma das equipes mais vitoriosas de Americana, o handebol feminino decidiu manter-se em atividade em 2015 mesmo sem o respaldo da Secretaria de Esportes e confirmou participação no campeonato da Lhesp (Liga de Handebol do Estado de São Paulo). A estreia será contra Limeira, dia 11, no Ginásio de Esportes Rodrigo Benazzi, no complexo do Centro Cívico, no Jardim da Colina.

O técnico Jurandir Batista (Didi) disse que o time será formado por atletas que moram em Americana e que decidiram jogar a Liga “por amor” ao esporte, já que nenhuma delas vai receber qualquer tipo de ajuda de custos. “Conversei com as meninas e elas toparam encarar esse desafio. Mesmo sem as condições ideais, acredito que temos chances de brigar pelo título. Nossas jogadoras são cascudas”, afirmou Didi.

Do elenco do ano passado, Didi não terá apenas quatro jogadoras: Jaqueline, que foi para Jundiaí; Mônica, que acertou com São José dos Campos; Talita e Luciane, que decidiram abandonar as quadras. Estão confirmadas as goleiras Viviane, Camila e Yolanda; as centrais Lúcia e Kátia; as meias Perê, Tamara, Maria e Agatha; as pivôs Rayssa, Isabella e Grace; e as ponteiras Carol, Gabryelle, Muriel e Rafaela.

A Secretaria de Esportes ficou de avaliar a possibilidade de fornecer transporte esporadicamente para um jogo ou outro fora de Americana. Isso, porém, não será problema, de acordo com o técnico. “Se precisar, vamos com nossos carros mesmo”, assegurou Didi Batista.

DISPUTA

O Campeonato da Lhesp terá a participação de 14 equipes no adulto feminino. Americana está no grupo com Vinhedo, Limeira, Nova Odessa, Tietê, Salto e Marília. O outro grupo é formado por Campinas, Itu, Atibaia, Franca, Sorocaba, Bauru e Itapira.

A fórmula de disputa estabelece jogos dentro dos grupos, em turno único, avançando os quatro primeiros de cada para os playoffs.

câncer de próstata site