O JOGO

Novo comando do esporte vai priorizar as escolinhas

Fassina: "Haverá rigor e austeridade com o dinheiro público"

Fassina: “Haverá rigor e austeridade com o dinheiro público”

O novo comando da Secretaria de Esportes de Americana, formado pelo secretário Roger Willians da Fonseca, que também é vice-prefeito, pelo secretário adjunto Edison Antiqueira Fassina, e pelos sub-secretários Emerson Neves Grilo (Pezão), de Esportes; Edilson Bissoli, de Lazer; Osvaldo Klein Neto (Foca), de Juventude, vai dar prioridade à escolinhas de iniciação. A garantia foi dada por Fassina, em entrevista ao O JOGO, na tarde de ontem (15).

“Não apenas pela questão financeira atual da prefeitura, mas fundamentalmente por filosofia, nosso trabalho será priorizado nas escolinhas. O Roger nos passou essa diretriz, com a qual concordamos plenamente, e não iremos abrir mão dela”, afirmou Fassina.

Desde o início desta semana, a primeira de trabalho efetivo da nova equipe da Secretaria de Esportes, Fassina e Pesão têm se reunido com os responsáveis pelas modalidades de Americana para que possam se inteirar da situação de cada uma delas. “Temos mais escutado do que falado. Estamos tomando ciência das dificuldades de cada modalidade, mas ao mesmo tempo passado que nossa filosofia de trabalho será voltada às escolinhas”, disse o secretário adjunto.

De acordo com Fassina, quase 90% das modalidades em atividade no esporte de Americana já foram chamadas a seu gabinete, no complexo do Centro Cívico, no Jardim da Colina, e todas tiveram a oportunidade de expor suas reivindicações.

“Praticamente todas se queixaram do atraso no repasse da lei da incentivo. Os pagamentos que não foram feitos no ano passado fogem de nossa alçada.  Somos responsáveis pelo que acontece a partir de agora. O Roger já está empenhado e trabalhando no sentido de viabilizar que a lei seja novamente aplicada, pois é importante para o esporte”, frisou o dirigente.

COMPETIÇÃO

O secretário adjunto de Esportes Edison Fassina fez questão de salientar que, embora a filosofia de priozar as escolinhas de iniciação esteja sendo implantanda na gestão do secretário Roger Willians, Americana continuará participando de competições com suas equipes.

“Americana vai competir, sem dúvida, mas será de uma forma diferente do que vinha sendo feito nos últimos anos”, falou o dirigente. “Já deixamos claro aos responsáveis pelas modalidades e isso pode escrever aí, pois não abrimos mão: Americana não vai mais pagar para trazer atletas de fora. O dinheiro que era gasto com isso será aplicado nos projetos sociais, como o Criança Total. O Roger fez questão desta política”, acrescentou Fassina.

UNIFICAÇÃO

Equipe A, equipe B, equipe C de uma mesma modalidade… Isso é coisa do passado no esporte de Americana, conforme assegurou o secretário adjunto Edison Fassina. O dirigente ficou surpreso quando soube que há divisão em alguns esportes, como a natação, por exemplo. “É algo inconcebível”, disse.

Fassina afirmou que, a partir de agora, o comando das modalidades será unificado. “Vamos chamar aqueles que hoje são os responsáveis para que todos cheguem num consenso pelo bem do esporte de Americana. Se não houver acordo, com fulano e beltrano não abrindo mão do interesse maior, que é o coletivo, os dois caem fora e colocamos outro no lugar, pois há vários professores qualificados para estar à frente das modalidades”, assegurou o dirigente.

Ainda segundo Fassina, ele e o sub-secretário Emerson Neves Grilo (Pesão), após ouvirem todas as modalidades, vão elaborar um relatório, que será encaminhado ao secretário Roger Willians da Fonseca. “Uma coisa eu posso assegurar: haverá rigor e austeridade com o dinheiro público. Tudo será feito com seriedade e bom senso”, concluiu o adjunto.

Zaramelo Jr.

O Jogo | 16 janeiro 2015

Matéria publicada na edição 569 (16/1) do O Jogo

Matéria publicada na edição 569 (16/1) do O Jogo