O JOGO

Molina deixa comando do basquete; Assis é o novo presidente

Valdecir Duzzi, Thiago Brochi, Ricardo Molina e Mario Antonucci

Valdecir Duzzi, Thiago Brochi, Ricardo Molina e Mario Antonucci

Presidente da ADCF Unimed, clube gestor do basquete feminino de Americana, Ricardo Molina Dias foi homenageado na Câmara Municipal, na noite de sexta-feira (8), ao receber a Medalha de Mérito Ayrton Senna. A entrega da honraria, motivada por decreto do vereador Thiago Brochi (PSDB), com aprovação unânime do Poder Legislativo, ocorreu em sessão solene que reuniu familiares e amigos de Molina.

Durante seu discurso, além dos agradecimentos, Molina anunciou que está deixando a presidência da ADCF Unimed, cargo que ocupava desde 2007. “Chegou o momento de novas ideias, de novos desafios. As mudanças devem sempre ocorrer quando está tudo bem. Deixo de ser o presidente, mas nada neste mundo me afastará das nossas jogadoras e comissão técnica. Vou buscar alternativas para que o basquete feminino fique ainda mais forte”, disse.

Veja galeria de fotos da entrega da Medalha Ayrton Senna a Ricardo Molina

Na gestão de Ricardo Molina Dias, a ADCF Unimed conquistou 20 títulos em 26 campeonatos disputados. A equipe foi uma vez campeã do Sul-Americano de Clubes, duas da Liga Nacional, quatro do Campeonato Paulista, duas dos Jogos Abertos Brasileiros, três dos Jogos Abertos do Interior e oito dos Jogos Regionais da 4ª Região Esportiva do Estado.

O novo presidente da ADCF Unimed é o médico Émerson Assis, que também ocupa a presidência da cooperativa médica Unimed Santa Bárbara d´Oeste, Americana e Nova Odessa. “Tenho certeza que a gestão do basquete feminino de Americana fica em ótimas mãos. O doutor Émerson é o nome ideal para estar à frente do projeto”, acrescentou Molina.

Zaramelo Jr.

O Jogo | 11 de agosto de 2014 | 21h40