O JOGO
  • -->

Homenagem a Dioguito reúne 200 e deve ser anual

Maythe, com o filho Pedro no colo, agradeceu a presença de amigos e atletas

Maythe, com o filho Pedro no colo, agradeceu a presença de amigos e atletas

O tributo à memória de Diogo Cia Faria (Dioguito) reuniu em torno de 200 pessoas, de acordo com os organizadores, na manhã de domingo (29), no Bike Hotel Sports. Idealizado por familiares e amigos do triatleta morto em 2017, o evento deve tornar-se anual, sempre no último domingo de julho.

Emocionada e com o filho Pedro no colo, Maythe Santini Faria, esposa de Dioguito, falou antes do início da corrida e do duathlon para agradecer a todos os participantes do evento. Mais tarde, fez postagem em suas redes sociais.

“Que essa homenagem tragada cada vez mais Jesus nas nossas vidas, pois com Ele tudo podemos. E seguimos, e conseguimos, vencemos e comemoraremos. Quanto à saudade, aprendi que ela vai existir e eu também (vou existir). Então, caminhamos, trazendo à memória o que nos dá esperança: a vida eterna”, escreveu Maythe.

“Tenho certeza que, de alguma maneira, o Dioguito está aqui com a gente e muito feliz por ver a família e tantos amigos reunidos”, falou o publicitário Thiago Cia, primo de Diogo Faria e um dos responsáveis pela organização do tributo juntamente com Maythe e os amigos William Barbosa e Fred Alves.

CLIQUE AQUI E VEJA GALERIA DE FOTOS

A parte esportiva do tributo teve provas de corrida e duathlon, com largada e chegada no Bike Hotel e participação de atletas de Americana, Nova Odessa e Sumaré.

Na corrida de 5km, os três primeiros colocados no masculino foram Admilson Queniano, Fred Alves e Júlio Coelho, enquanto Danielli Fernandes, Larissa Vitalino e Karina Rezende foram as primeiras no feminino.

No duathlon (5km de corrida, 20km de bike e mais 2,5km de corrida), Gustavo Ribeiro foi o vencedor no masculino, com Wellington Barbosa em segundo lugar. No feminino, a vitória foi de Tatiana Oliveira, seguida por Juliana Ramella.

O evento também teve caráter beneficente. Parte do dinheiro arrecadado com a venda de camisetas personalizadas e alimentos doados foram repassados à igreja Cristã Palavra Revelada.

Diogo Cia Faria faleceu no dia 16 de julho do ano passado, aos 38 anos, vítima de atropelamento na rododia dos Bandeirantes, em Limeira, quando andava de bicileta em companhia do professor e triatleta Márcio Beckis, de Nova Odessa, que também morreu no local.