O JOGO

Colorado festeja 40 anos e anuncia revitalização de estádio

Panhoca planeja concluir a revitalização da Arena Colorado até 2020

Panhoca planeja concluir a revitalização da Arena Colorado até 2020

Fundado em 4 de junho de 1977, pela família Fioque, o Colorado Esporte Clube está completando 40 anos neste mês. A comemoração oficial aconteceu na manhã de domingo [18], com evento no Estádio Victório Scuro, no bairro Conserva, que há duas décadas tornou-se a sede do clube. Diversos esportistas e autoridades marcaram presença na solenidade.

Presidente do Colorado, o médico Rogério Panhoca aproveitou a oportunidade festiva para anunciar a revitalização do estádio, que também é conhecido como Arena Colorado. Arquibancada coberta, academia de ginástica e musculação, campo society coberto e restaurante fazem parte do projeto de modernização do local.

“Já iniciamos a revitalização com coisas mais simples, como pintura. O planejamento é começar o trabalho de forma mais intensa em 2018. Meu sonho é concluir o projeto em 2020, quando termina o meu mandato. Sei que é uma missão bastante complexa, pois depende de muitas condições financeiras, mas estou otimista”, disse Panhoca.

Além da revelação de jogadores nos times de competição, o Colorado também tem projeto social voltado à cidadania e inclusão social. Hoje, mais de 300 crianças e adolescentes entre 6 e 16 anos participam das atividades do clube. Detalhe: tudo gratuitamente.

“Aqui no Colorado ninguém paga absolutamente nada. Se o clube é convidado para participar de algum campeonato, só vai se tiver condição para isso. Se não tiver, não vai. Não pedimos dinheiro para as crianças e nem para os pais”, citou o presidente durante seu discurso.

Além de atividades de campo dos times de competição e escolinhas de iniciação, o Colorado também oferece às crianças e aos adolescentes estrutura com atendimento odontológico, alimentação, e programas educacionais, como estímulo à leitura e cultivo de horta orgânica. O clube ainda participa de campanhas de conscientização, como o Novembro Azul.

Entre as autoridades presentes, o deputado estadual Chico Sardelli e o promotor de Justiça Sérgio Claro Buonamici fizeram elogios ao projeto esportivo e social do Colorado. O presidente Rogério Panhoca e o técnico José Antônio Rodrigues [Zé Pulga] foram homenageados com cartões de prata. Houve a apresentação do hino do clube, composto pelo músico Waine Pertile.

O padrinho do aniversário de 40 anos de fundação do Colorado foi o ex-jogador Marcos Assunção. Além dele, outros ex-jogadores também participaram do evento, como Sandro Hiroshi, Thiago, Flávio Costa, Isaías, Charles, Alexandre, Fio e Edinho. A Câmara de Americana foi representada pelos vereadores Odir Demarchi, Otto Kinsui e Thiago Martins.

Após a solenidade, houve um jogo de confraternização. Um dos times foi formado em sua maioria por jogadores que, na adolescência, atuaram sob comando de Zé Pulga na década de 70.

Texto e fotos: Zaramelo Jr.

Print