O JOGO

Casal de Americana percorre 300km de bike por SC

Fabricio e Ferzocas no ponto final da aventura em Timbó

Fabricio e Ferzocas no ponto final da aventura em Timbó

O engenheiro Fabrício Rodrigo Costa, 39 anos, e sua esposa, a personal trainer e influencer digital Fernanda (Ferzocas), 34 anos, de Americana, encararam uma aventura por Santa Catarina. O casal percorreu 300km de bike em quatro dias, entre 22 e 25 de agosto, passando por mais ded 15 cidades no Cicloturismo Vale Europeu Catarinense, com saída e chegada em Timbó.

Em média, eles pedalavam de 5 a 6 horas por dia, de manhã até o final da tarde, com paradas estratégicas para descanso e alimentação. Fabrício e Ferzocas não contaram com equipe de apoio, como é comum, mas tiveram a companhia dos pais do engenheiro, que ficavam com o filho do Casal (Enzo, de 3 anos) enquanto o casal enfrentava o percurso. À noite, a família se reunia em pousadas.

A pedido do O JOGO, Fernanda escreveu um relato sobre a aventura. Confira!

“Realizar a rota do Vale Europeu Catarinense era um sonho antigo e quando menos esperávamos, de última hora, tivemos a oportunidade de ir em busca da conclusão dessa cicloviagem tão desejada.

A rota surgiu devido a necessidade de aliar turismo e esporte numa região interiorana de Santa Catarina, ladeada por uma natureza exuberante e suas casinhas coloridas que lembram sua colonização alemã.

São 300km de trilhas que exibem belezas naturais, morros desafiadores, subidas de tirar o fôlego e descidas igualmente radicais. Durante o trajeto também pode-se apreciar a arquitetura que de tão bela, parece saída direto de um quadro.

Saindo de Timbó, passando por Indaial, pela charmosa Pomerode, conhecendo os encantos de Doutor Pedrinho, os riachos de águas cristalinas em Palmeiras, o frio cortante de Alto dos Cedros e muitos outros detalhes apaixonantes  que nos são presenteados nas mais de 15 cidades em seus incríveis 5.200m de altitude acumulada.

Não faltam ladeiras para colocar o condicionamento à prova, sem falar na experiência tão única de se desafiar, superar, sofrer, chorar de emoção e muito mais do que isso, sentir a satisfação de concluir essa aventura sensacional.

Foram quatro dias intensos, regados à muita força de vontade e uma felicidade sem tamanho a cada ciclo concluído. A gratidão é outro sentimento que nos acompanhou a cada km rodado.

E a vontade que fica? É de fazer mais!”

O casal de Americana com o certificado de conclusão

O casal de Americana com o certificado de conclusão