O JOGO

Aziz e Pinto vencem etapa da Raceman em Valinhos

raceman 2017 logo siteNa primeira etapa diurma da temporada – a quarta de 2017 -, Ricardo Aziz [Buga], na Pro, e João Pinto, na Light, foram os vencedores de suas categorias na Copa Raceman de Kart. A rodada foi realizada sábado [27], no Kartódromo Itália, na rodovia Dom Pedro I, em Valinhos, e acompanhada por bom número de familiares dos pilotos.

Outro destaque foi o retorno à pista de Gustavo Ferreira Valente [Gurga], que sofreu acidente na etapa de abertura, em fevereiro, e passou por cirurgia no joelho. Ele chegou na segunda posição da Pro. Após quatro etapas, Matheus Ferreira, com 78 pontos na Pró, e Ricardo Domingos [Kelé], com 91 na Light, são os líderes do campeonato.

CORRIDAS

Ricardo Aziz dominou completamente a categoria Pró em Valinhos. Mais rápido na tomada de tempos, largou na pole position e liderou de ponta a ponta, praticamente sem dar chances aos demais pilotos. Ele fechou as 38 voltas em 19m59s460, média de 64,12km/h. Foi dele também a volta mais rápida da bateria: 31s074 na 27ª.

Aziz recebeu a bandeira quadriculada da vitória com vantagem de 11s174 para Gustavo Valente, que foi o segundo colocado, e de 13s809 para Matheus Ferreira, que terminou em terceiro. Também foram ao pódio Mario Olivato, que ficou na quarta posição, e Rood Mark Gustinelli, que cruzou na quinta.

Na Light, a corrida foi marcada por alternância na ponta. Ricardo Paloni largou na pole position, mas logo foi superado por Rafael Minozzi, que manteve-se à frente durante mais da metade da prova. A 10 voltas do final, Paloni recuperou a posição. A vitória, porém, ficou para João Pinto, que assumiu a dianteiro nas últimas quatro voltas.

Pinto completou as 37 voltas em 19m48s130, média de 63,01km/h. O segundo colocado, com diferença de 2s732 para o líder, foi Rafael Minozzi. Ricardo Paloni terminou em terceiro, mas recebeu punição e caiu para quinto. Com isso, quem herdou a posição e o lugar no pódio foi seu irmão Luiz Paloni, que ficou 10s062 atrás do ganhador. A volta mais rápida da bateria foi de Minozzi, com 31s370 na última passagem.

Veja galeria de fotos

Texto e fotos: Zaramelo Jr. > O Jogo