O JOGO

Americana joga por vitória simples no Chile

Vendramini conversa com jogadoras antes do treino desta quinta-feira

Vendramini conversa com jogadoras antes do treino desta quinta-feira

O Corinthians/Americana depende de vitória simples para manter-se vivo na busca pelo bicampeonato do Sul-Americano de Clubes. O time do técnico Antônio Carlos Vendramini joga contra o Leones de Quilpe, nesta sexta-feira (25), às 19 horas, no Ginásio Irene Velásquez, em Puente Alto, região metropolitana de Santiago, no Chile, e segue em frente caso derrote a equipe chilena.

Na estreia, quarta-feira (23), o Corinthians/Americana tropeçou e perdeu para a Universidad Tecnologica Equinoccial (UTE), do Equador, por 73 a 69. “Não deu nada certo no primeiro jogo. A UTE veio com atitude, conseguiu se manter na frente do placar e isso matou a gente. Agora temos que correr atrás, não adianta. Estamos vivos ainda e não podemos desistir”, afirmou a ala Patrícia Chuca, uma das mais experientes do elenco.

“Conversamos com as jogadoras, demos uma injeção de ânimo nelas, motivamos e, principalmente, treinamos forte para corrigir os erros da estreia. Não dependemos de ninguém para conquistar o objetivo, só das nossas próprias forças”, disse Vendramini.

Hoje (24), jogaram UTE e Leones, com vitória das equatorianas por 79 a 57.